Cinco dicas para fidelizar clientes no salão de beleza

Numa época em que as pessoas se preocupam mais com a estética, a abertura de um salão de beleza pode ser um bom investimento, mas exige atenção. Voltado principalmente ao público feminino, o setor segue aquecido, acompanhando o aumento da participação das mulheres no mercado de trabalho. Para entrar neste tipo de atividade, é preciso observar o público-alvo, o estilo de atendimento, a equipe de profissionais e o tipo de serviço que será oferecido.

Conforme levantamento do Sebrae/PR, serviços envolvendo embelezamento – como cabeleireiros, manicure, pedicure e depiladores – estão entre as atividades mais desenvolvidas por Microempreendedores Individuais (MEI): são 53.433 empreendedores (81,8% compostos por mulheres). O número corresponde a cerca de 10% do total de MEIs no Estado.

A consultora do Sebrae/PR, Sonia Shimoyama, que coordena o programa Empreendedores da Beleza, aponta os negócios do ramo como promissores, mesmo em tempos de crise econômica.“Quando se fala em ‘crise’, o setor de beleza é o que menos sente, porque as pessoas não deixam de ir, de ter essa preocupação com o seu bem-estar e aparência”, conta.

No entanto, o interessado deve definir bem o tipo de estabelecimento e o público-alvo. Uma clientela mais selecionada, por exemplo, de alto poder aquisitivo, vai exigir um serviço luxuoso, com um vasto leque de opções, espaços requintados e muitos funcionários. Um público com tempo escasso demanda um conceito mais simples, mas sem abrir mão da qualidade. Então, para criar uma identidade própria, é importante analisar as necessidades básicas da clientela.

A consultora do Sebrae/PR destaca, ainda, que é preciso capacitar cada profissional ­que passa a integrar a equipe e reforçar a gestão do negócio. “É importante que o salão tenha uma relação de parceria com os profissionais, porque eles é que dão o tom da conversa”, esclarece.

Confira cinco dicas para montar e manter um salão de beleza e acompanhe também as sugestões do Canal do Sebrae no YouTube:

1 – Relacionamento com clientes

Investir em relacionamento com os clientes pode aumentar suas vendas e também promover a fidelização ao salão de beleza. Para isso, é necessário que se tenha também um atendimento diferenciado. Os clientes precisam perceber que seu ambiente é planejado para a boa execução dos serviços. Uma dica é oferecer itens de conveniência, uma boa alternativa para tornar seu negócio mais desenvolvido.

2 – Qualidade e normas

Estar atento à qualidade dos serviços que você oferece e à atualização dos produtos e das técnicas utilizadas no salão são fatores essenciais para a sobrevivência do negócio. É preciso conhecer as normas técnicas e sanitárias, pois isso é um dos fatores-chave de sucesso em salões de beleza.

3 – Marca e reputação

Sua marca deve estar direcionada ao nicho de mercado que atende e às tendências. Sua reputação vem da percepção do cliente em relação ao seu negócio. A diversificação e a divulgação são fundamentais para o segmento. O primeiro passo para definir uma boa estratégia promocional é identificar quem faz parte do seu público-alvo.

4 – Equipe e controle

Priorizar a saúde da sua equipe, apoiar a atualização de conhecimentos técnicos e estimular o uso de portfólio: tudo isso pode trazer ganhos de produtividade ao seu negócio e tende a fidelizar seus clientes.

5 – Controle financeiro e de estoque

Esteja atento, principalmente ao controle financeiro e de estoque. A falta de planejamento ou de gestão pode ser fatal para o seu negócio!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Economia

Tudo sobre a economia do país

Nordeste é destaque e tem média 15% maior no número de aberturas de empresas no Brasil no segundo semestre do ano

Dados do Empresômetro revelam que região segue em franco crescimento Que o brasileiro vem se reinventando através do empreendedorismo não é novidade, mas vem crescendo exponencialmente o número de aberturas...

Black Friday: e-commerce prevê faturar R$ 3,15 bilhões em 2019

Número representa 21% de crescimento nas vendas em relação ao ano passado; como o PME pode sair no lucro na data? Especialista dá 5 dicas Falta pouco para a Black...

Comércio usa tecnologia para vender mais na Black Friday

Pesquisa mostra que a união dos meios online e off-line amplia as vendas em até 40% Há menos de um mês para a Black Friday, lojistas de todo Brasil preparam...

65,8% das pessoas são influenciadas por opiniões e avaliações na hora da decisão de compra

De acordo com uma pesquisa da consultoria Conversion, cerca de 65,8% dos entrevistados são influenciados por reviews em sites na hora de tomar uma decisão de compra, seja serviços ou...

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com